Versão 3.0 - Time Break

Olhe na seção "Resumo de Tramas" para ficar por dentro de tudo o que acontece na Soul Society ou no Japão!
Corram Todos!




Versão 3.0 - Time Break


 
Portal BleachInícioCalendárioFAQBuscarRegistrar-seConectar-se

Compartilhe | 
 

 Era uma vez uma Capitã [Finalizado]

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
Hyumi
Lendários
Lendários
avatar

Mensagens : 462
Data de inscrição : 31/07/2010

Sua Ficha de Personagem
Rank: S
Life Life:
300/300  (300/300)
Exp: Exp::
1000/1000  (1000/1000)

MensagemAssunto: Era uma vez uma Capitã [Finalizado]   Seg 30 Jan - 3:20

Algo pendente.


Hyumi estava no comando da batai Lírio, sempre teve orgulho tanto da bantai Sakura, na qual entrou primeiramente, quanto da sua atual bantai, a qual amava muito, teve muitas alegrias e tristezas como shinigami, mas uma coisa era certa, ela não se arrependia de nada.

-Kurato... - ela disse suspirando - eu tenho que cumprir minha promessa, Rei e o Yuto...não quero que eles te matem, Yuto vai ter remorso e ele ainda tem de liderar nosso clã, Rei...ele está mudando, ele ainda é frio, mas ele se solta em alguns momentos, ele não pode se fechar novamente...

Hyumi estava falando com alguém estava escuro.

-Kyodaimitsu temos coisas a resolver - ela disse para sua zanpakutou - temos uma missão importante.

-Lhe informo que depois dessa missão irei deixar meu posto como previsto, farei o que ordenado e voltarei quando tudo estiver pronto, informe a ele... - ela disse suspirando, mas antes vou ter de resolver umas coisas no clã, dê o recado e pode ir.

A pessoa desapareceu nas sombras deixando Hyumi sozinha, ela saiu de sua bantai se dirigindo para a mansão de sua família, quando foi vista os portões foram abertos de imediata, ela caminhava com passos apressados, ela estava se dirigindo a sala de seu pai.

-Hyumi-sama não pode entrar, seu pai está ocupado - informou um dos guardas.

-Hy-Hyumi-sama - implorou outro.

-Fiquem tranquilos, não vão ser culpados por minha entrada, afinal vocês não conseguiriam me impedir...chamem minha mãe, diga para vir aqui imediatamente, acredito que meu pai e irmão estejam em reunião agora.

Ambos fizeram que sim com a cabeça e sairam correndo a procura da mãe da garota, a Capitã abriu as portas que eram muito pesadas com facilidade, lá estavam seu pai e irmão mais velhos, pareciam estar conversando sobre algo importante.

-Papai, nee-chan - ela fez uma leve reverencia.

-Hyumi o que faz aqui?Você não foi anunciada - disse seu pai a encarando.

-Não me olhe assim papai, temos assuntos a resolver.

-Em outra hora...vá se arrumar para seu casamento... - ele disse voltando a olhar para Yuto.

-Não, não outra hora, agora! - ela disse firmemente.

-O que está havendo aqui, os guardas me disseram que minha amada filha estava aqui e que não aprecia boa coisa, o que aconteceu Hyumi? - perguntou sua mãe chegando.

-Primeiramente vou anunciar que não vou me casar, como vocês já sabem eu sempre fui contra o noivado, eu e ele somos bons amigos, nada mais, e ambos estamos de acordo com o fim do noivado.

-Vocês vão se casar, já foi decidido, não são vocês filhos que decidem e sim os pais, é a lei - disse o pai de Hyumi batendo o pé.

-Papai, não seria bom escutar a Hyumi?! - o irmão de Hyumi tentou intervir.

-As leis são absolutas, Hyumi vai se casar, e hoje é o dia...

-Sim deixei para acabar com isso de uma vez para a ultima hora, está com vergonha de desfazer tudo em cima da hora?Tenho orgulho do nosso clã e costumes, mas alguns costumes são obsoletos, devem ser mudados.

-Hyumi não fale assim com seu pai.

-Me desculpe mamãe, mas eu já devia ter feito isso a muito tempo, eu cresci a muito tempo, eu sou forte e independente, mas o clã não cresce, por que os costumes são sempre os mesmo, quero um clã melhor, foi uma promessa...e... - Hyumi tirou um pergaminho de dentro de suas vestes - Esse é o pergaminho do nosso clã, não existem cópias como é a lei...então...Brinque Kyodaimitsu!

Hyumi disse desembainhando sua zanpakutou, jogando a pergaminho para cima e o pegando em seguida com a boca.

-Hyumi, como...não faça isso, devolva - o brilho dos olhos do pai dele começaram a sumir.

A garota fez que não com a cabeça, estava na hora de por um ponto final naquilo.

"A promessa..." - pensou Yuto cerrando os punhos, ele então usou shunpo ficando entre Hyumi e seu pai.

-Meu filho, isso é entre os dois - informou a mãe deles.

-Não, é entre os 5, Hyumi está apenas cumprindo com uma promessa, o Kurato se foi por causa das leis do clã, Hyumi sabe disso, e ela quer mudar isso, mas o papai é cabeça dura, e não quer mudar nada.

-Oh, eu sou um cabeça dura - o pai deles estava sem nenhum brilho nos olhos.

-Meu bem, está tudo bem, Hyumi vai devolver o pergaminho.

O pai deles parecia não escutar sua linda esposa, que agora ficou preocupada, uma forte reiatsu começou a sair do corpo dele, ele realmente ia ataca-los, mas dessa vez ele estava consciente, apenas seus instinto estava forte, mas ele sabia o que estava fazendo.

"Uma briga pode desunir o clã, minha filha o que pretende, falar do Kurato só deixou seu pai ainda pior." - sua mãe pensou sem tomar uma posição.

-Meu pai, não ouse tocar na Hyumi, seu o fizer não terá mais herdeiros, eu estou jurando pelo clã que saia desse clã se a machucar, e garanto que Hyumi também não vai ficar.

-Vocês dois...que insolência, como podem se rebelar a mim, seus ingratos - esbravejava o homem.

Hyumi guardou sua zanpakutou que voltou ao normal tirando o pergaminho da boca o segurando firmemente.

-Eu não vou me casar, e tem mais eu vou matar o Kurato hoje!

-Kurato...Kurato...por que ele fez aquilo?

Dava para ver que aquele assuntos abalava os quatro que estavam na sala, o pai de Hyumi olhava para baixo, parecia perdido.

-Meu filho...como você pode matar seu irmão? - perguntou ele.

-Aquele não é mais meu irmão, vocês sabem que eu e ele sempre sentimos as dores um do outro, Kurato morreu naquele dia, o que sobrou foi sua ambição, seu egoísmo, uma crosta dura, eu ainda sinto um pouco dele no Kurato, e essa parte que sinto me pede pra cumprir com minha palavra, eu prometi que se um dia ele perdesse a cabeça eu o mataria.

-Hyumi...por favor, acabe com o sofrimento de seu irmão de forma limpa. - pediu sua mãe.

-Eu vou com você! - disse Yuto.

-Não, você vai reerguer o clã que é a outra promessa, acabe com as leias absurdas, essa é a sua parte, do Kurato cuido eu.

-Hyumi, minha filha... - o brilho dos olhos do pai dela estava de volta - não é seu irmão mesmo não é?!Ele não é um traidor, ele é uma vitima não é?!

-Sim papai, ele é mais uma vitima, vou fazer ele descansar em paz como ele tanto deseja.

-Hyumi, se fizer isso, as leis, eu mudarei, eu permitirei shinigamis, e acabarei com essa estúpida lei de a primeira palavra é que vale, e também casamentos forçados, u mudarei o que vocês desejarem...só volte...viva...

-Eu vou voltar viva papai, mas não vou ve-los...eu estou deixando minha posição como Capitã, eu irei embora...então...não se preocupe que estarei viva, nos vemos por ai...mamãe, papai e Yuto-nee-chan...

Ela sorriu jogando o pergaminho para Yuto desaparecendo em um shunpo, a mãe de Hyumi caiu de joelhos no chão, aos prantos, Yuto ficou olhando para porta como uma estátua e o pai dela foi consolar usa esposa, depois desse dia Hyumi não deu mais noticias, momentaneamente ninguém sabe noticias suas, boatos surgiram dizendo que ela voltou depois de matar vários espadas e seu irmão, mas nenhum boato surgiu sobre onde ela estaria, e fazendo o que.

Atualmente o Clã de Hyumi foi deixado nas mãos de seu irmão, que pode modificar muitas leias antigas, o pergaminho antigo ficou prezo na parede como lembrança dos velhos tempo, e um novo pergaminho foi criado.

Em um dia com uma leve brisa, enquanto Yuto e seu pais caminhavam para conversar um pouco um pequeno pedaço de papel caiu sobre a mão de Yuto, com letra e assinatura de Hyumi.

"Eu estou bem, Kurato está em paz, amo vocês, Hyumi Hinuzuki" era o que o papel dizia, esse papel foi guardado ao lado do antigo pergaminho com uma modura com pequenos dizeres "Um membro leal do clã, sempre nos protegendo até de nós mesmo Hyumi."

Fim.

__________________________________________


Última edição por Hyumi em Seg 30 Jan - 3:39, editado 1 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
June Tethys
Capitão Sakura
Capitão Sakura
avatar

Mensagens : 3114
Data de inscrição : 19/10/2010

Sua Ficha de Personagem
Rank: S
Life Life:
300/300  (300/300)
Exp: Exp::
1000/1000  (1000/1000)

MensagemAssunto: Re: Era uma vez uma Capitã [Finalizado]   Seg 30 Jan - 3:29

... Não tenho palavras... Acredita! Foi uma forma excelente de concluir a tua história... Triste, sem dúvida, mas muito bem feita! Tens mesmo jeito para isto!

Pontuação... 10, é claro! Se pudesse, dava mais! Hyumi-chan, Parabéns!^^

Estado: Finalizada

__________________________________________






"Mais uma vez, sou a mais velha... Mais uma vez, tenho crianças para proteger... Será... Será que o meu destino me deixará em paz desta vez?"




Última edição por June Tethys em Seg 30 Jan - 12:40, editado 1 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
 

Era uma vez uma Capitã [Finalizado]

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 

 Tópicos similares

-
» 3 2 1 1 1 1 Finalizado!
» Procuro membros para a minha tripulação
» Cenário do jogo - Mapas e características
» Bleach - Shinigami Saga - Capítulo 1 (Tópico de jogo)
» Taichous/capitães de Konoha
Página 1 de 1

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Versão 3.0 - Time Break :: Arquivos de Aventuras-