Versão 3.0 - Time Break

Olhe na seção "Resumo de Tramas" para ficar por dentro de tudo o que acontece na Soul Society ou no Japão!
Corram Todos!




Versão 3.0 - Time Break


 
Portal BleachInícioCalendárioFAQBuscarRegistrar-seConectar-se

Compartilhe | 
 

 [Finalizado] Sobre bandidos e heróis...

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
Oten
Shinigami Sakura
Shinigami Sakura
avatar

Mensagens : 62
Data de inscrição : 03/02/2010

Sua Ficha de Personagem
Rank: D
Life Life:
150/150  (150/150)
Exp: Exp::
335/1000  (335/1000)

MensagemAssunto: [Finalizado] Sobre bandidos e heróis...   Qua 19 Maio - 17:30

Capítulo I - A vida em Rukongai.


Oten tinha acordado havia pouco tempo. Deveria ser umas 2 ou 3 horas da madrugada. Deitado sobre um colchonete fino, que pouco ajudava na tarefa de dar conforto ao seu sono. Estava em um dos poucos comodos da pequena casa, situada em um bairro Sul de Rukongai. Uma casa precária em uma vida precária. Era assim, que a grande maioria vivia em Rukongai. Na mesma casa em que ele vivia, moravam outros 4 integrantes, e essa pessoas ele tinha como família. Um senhor bêbado, que frequentemente batia na mulher, uma senhora gentil, porém submissa e fraca, e duas crianças, um garoto de 14 anos e uma menina de 10. Oten, mesmo vivendo há algum tempo junto deles, pouco dava importância para aquela "família".

Todos em Rukongai, tinham uma família, que era a união de pessoas feitas para se ajudarem, pois, era dificil de se encontrar parentes verdadeiros depois da morte. Aliás, falando em morte, Oten se recordava pouco de sua vida na Terra. Talvez quisesse esquecer de algo, ou então, não procurava se lembrar, pois sua atual situação não o deixava ficar muito abalado com o passado.

Para se sustentar naquela selva de pedra, Oten recorreu ao furto. Era comum a utilização do crime para se conseguir algo, e geralmente, não existia polícia ou qualquer outro tipo de repreensão. Eram os próprios moradores, comerciantes, ou o que quer que fossem que contratavam seguranças, ou melhor, assassinos para proteger ou investigar delitos. As vezes, ouviam-se boatos de chacinas e assassinatos bárbaros, a maioria era praticada por esses sujeitos que, excediam suas atribuições de seguranças e acabavam por matar os procurados.

Oten não tinha medo deles, aliás, ele era até bom no que fazia. Era rápido, confiante e esperto, ou seja, tinha tudo que um bom ladrão precisava ter. Além disso, Oten nunca furtava mais do que poderia carregar, ou seja, não dava muito prejuízo para sua vítima, razão pela qual, nunca ouviu-se boato que alguem estivesse atrás dele. Oten as vezes levava comida para casa, as vezes não. Como dito, ele não se importava com sua "família". Cada um por si...

Contudo, aquela noite seria diferente. Sua "irmã" estava muito doente e todos, exceto o homem mais velho, estavam preocupados. Eram comum naquele local, crianças morrerem por diversas causas, principalmente, meninas frágeis como Yuimi. Oten precisava agir. Não era comum ele se importar. Porém, caso ela morresse isso poderia levar curiosos para sua casa e então, saberiam onde viviam um dos maiores ladrões de Rukongai.

Naquela noite ele iria assaltar uma farmacia e trazer o remédio para sua irmã. Talvez ele passasse em outro lugar para pegar algo para ele. Afinal, arriscar a pele por alguém que não fosse ele, não estava deixando-o muito satisfeito.

A noite era o momento de ação para Oten. Devido à violência e criminalidade, havia um toque de recolher em Rukongai. Geralmente, depois das 10 da noite poucas pessoas se aventuravam pelas ruas, e isso era muito bom para Oten, criando um ambiente propício para seus delitos. Sua vestimenta negra se confundia com a noite, o tornando um pouco menos visível que os demais.

Finalmente levantou-se do colchonete, vestiu suas habituais roupas pretas, um capuz dificultava a identificação. Partiu para mais um furto, a princípio simples, um crime fácil... porém, aquela noite iria mudá-lo completamente.


continua...
Voltar ao Topo Ir em baixo
Oten
Shinigami Sakura
Shinigami Sakura
avatar

Mensagens : 62
Data de inscrição : 03/02/2010

Sua Ficha de Personagem
Rank: D
Life Life:
150/150  (150/150)
Exp: Exp::
335/1000  (335/1000)

MensagemAssunto: Re: [Finalizado] Sobre bandidos e heróis...   Sex 21 Maio - 16:44

Capitulo II - O Encontro Decisivo.


Finalmente Oten estava preparado, olhava no espelho para ver se tudo estava de acordo, se seu rosto estava escondido, dentre outras coisas que ele, como um perfeccionista, precisava saber antes de praticar a ação. Pega uma pequena adaga de prata que guardava embaixo de seu colchonete. Na verdade, tal arma servia muito mais de ajuda para abrir algum dispositivo, que propriamente ferir outra pessoa, apesar que Oten não iria exitar, caso tivesse que ferir alguém para conseguir obter êxito.

Olhou no relógio pela última vez, eram quase 3 horas da manhã. A noite estava escura e fria e ele pulou a janela de seu quarto em direção à rua. Geralmente ele andava de forma furtiva. As vezes, rapidamente, se escondendo detrás de muros e postes, outras vezes, devagar sem demonstrar suas intenções.

Uma farmácia ficava a pouco mais de 6 quadras de sua casa. Era uma farmácia pequena, como quase todos os estabelecimentos dali eram. O dono, era um ganacioso e repugnante comerciante. Todos sabiam que ele vendia de medicamentos à drogas e qualquer tipo de coquetel em sua "farmácia". Um boato corria pelas redondezas, que ele estaria vendendo medicamentos falsos pela metade do preço original para famílias pobres. E, realmente, o indice de mortes por doenças estava crescendo de forma significativa naquelas redondezas.

Oten já tinha o seu alvo, e seria muito bom furtar algo de um sujeito como o Sr. Suzuki. Algumas ruas e becos mais tarde, Oten chegou até a farmácia de Suzuki. Com rapidez e cuidado, ele se apoiou em um muro lateral, chegando até o telhado do local. Era assim que Oten agia, ele retirava algumas telhas e entrava pelo teto da casa. Isso, sempre requeria força e concentração, habilidades que ele sempre demonstrava bem.

Não existia qualquer tipo de sistema de segurança, como alarmes ou outro tipo de coisa naquele local, portanto, foi fácil Oten se deslocar até a prateleira certa e pegar o remédio que precisava. Ele sempre estudava o lugar com cuidado dias antes de fazer o furto, por isso, sabia perfeitamente onde estava o remédio que sua irmã precisava.

Para deixar a loja, Oten colocava uma prateleira na direção da parte do teto por onde tinha entrado, subia nela e novamente utilizava o teto, agora para a fuga. O remédio estava em um bolso escondido dentro das roupas de Oten, ninguém desconfiaria. Ele recolocou as telhas no lugar e voltou para casa. Ele procurava andar mais calmo na volta, pois não queria chamar a atenção de ninguém, ao verem alguem correndo pela rua como um louco de madrugada.

A pouca distância de sua casa, Oten já ficava aliviado e ia abaixando seu capus, porém, as coisas acontecem de forma inesperada quando você está muito relaxado... ele sentiu uma pressão forte vindo de trás e quando olhou, viu um monstro que parecia uma aranha com uma máscara branca a poucos metros de distancia dele. A tal aranha levantou uma de suas patas e lançou com força contra Oten, que, surpreso, foi atingido em cheio e jogado contra o muro.

Aquilo era um hollow. Em Rukongai contavam histórias terríveis para crianças sobre essas criaturas para que elas fossem durmir mais cedo, ou então, comessem legumes. Porém, agora ele estava diante dessa criatura, e deveria lutar para manter sua vida.

-- Hummmm... vc tem um cheiro bom.... faz muito tempo que eu não como, trancado dentro daquele laborátorio. - disse a criatura com uma voz que parecia ecoar pela noite escura.

Oten não falou nada, estava realmente assustado. Pegou aquela adaga de prata e apontou contra o Hollow: -- Fique longe de mim, monstro!!.

O Hollow ria e retrucava para o espírito assustado na sua frente:

--Hahaha... você acha que isso vai me deter?!?! Eu, Goulstspyder, um hollow que já comeu 4 shinigamis e estava sendo estudado pelo núcelo de tecnologia da Seiretei!!! Garoto, dê adeuas à sua vida!!! - nesse momento o Hollow novamente levou uma de sua patas até Oten, que por um milagre, ou não, conseguiu se desviar e ainda arranhou o hollow.

O monstro se enfureceu e lançou um cero no chão, próximo à Oten, na explosão, ele foi lançado para trás e acabou por bater a cabeça no muro de sua casa. Antes de desmaiar, ele viu que um shinigami se colocava entre ele e o Hollow. Outros 2 shinigamis estavam cada um de um lado do monstro.

Ele então fechou os olhos lentamente, até perder a consciência. Contudo, talvez pela batida da cabeça ou talvez pela situação que ele vivia ali, ele acabou por mergulhar em lembranças e finalmente se lembrou de seu passado, quando estava vivo, e da tragédio que se abateu sobre ele.



Continua...
Voltar ao Topo Ir em baixo
Oten
Shinigami Sakura
Shinigami Sakura
avatar

Mensagens : 62
Data de inscrição : 03/02/2010

Sua Ficha de Personagem
Rank: D
Life Life:
150/150  (150/150)
Exp: Exp::
335/1000  (335/1000)

MensagemAssunto: Re: [Finalizado] Sobre bandidos e heróis...   Seg 24 Maio - 23:15

Capítulo III - O Passado das Lágrimas.


Vila de Kanagawa, ano 1910. Um povoado formado por camponeses de origem simples que, vagando pela região, vislumbraram ali um território de solo propício para o plantio e com bons lugares para adquirir água, visto que, dois rios próximos banhavam a Vila.

Oten Mizushiro era um agricultor como muitos outros do lugar. Cultivava arroz, juntamente com outros vizinhos, em um tipo de cooperativa. Uma parte ficava para a alimentação local e a outra era vendida em mercados de cidades maiores.

Oten tinha uma mulher, Aika, que sempre que podia também lhe ajudava na plantação. Porém, seu maior dever era cuidar da casa e educar seus filhos, Akane e Masaru, um casal gêmeo de quase 3 anos. Naquela época, era comum o casamento entre pessoas jovens, e assim, Oten casou-se com Aika quando os dois tinham 20 anos, e cercado do ambiente de amor e carinho nasceram seus filhos.

O japão daquele tempo não era uma sociedade unida e própera como nos dias atuais. As disputas por terras ainda eram comuns naquele tempo. Assim, todos os homens do povoado que eram maiores de 14 anos, tinham treinamento militar 2 horas por dia. O treinamento era feito através de espadas e, em algumas vezes, armas de fogo, porém, armas de fogo eram dificeis de se comprar naquela época, principalmente pelo alto preço. Provavelmente, se o povoado não precisasse se preocupar tanto com a sobrevivência e destacasse mais dinheiro para a segurança, o fatídico incidente não aconteceria.

Era uma noite escura e fria no povoado. Todos estava durmindo apesar de beirar as 10 horas da noite, pois todos acordavam muito cedo para cuidar da lavoura. Oten, deitado ao lado de sua esposa no cômodo que servia de quarto para os dois acordou no meio da noite com um pesadelo que não se recordava muito bem.

Resolveu abrir a janela de seu quarto para respirar novos ares. Quando olhou para frente não pode acreditar. Várias casas nas redondezas estavam em chamas e pessoas caídas ao chão jaziam mortas. Um grande Bando, corria pelas ruas provocando caos e violência.

Oten correu e foi buscar seus filhos. Acordou sua mulher as pressas e disse para ela correr em direção ao arrozal e se esconder por lá. Os dois deram um beijo apaixonado e emotivo de despedida. Os dois filhos iam carregados por Aika, sendo a menina em seus braços e o menino preso as costas da mãe.

Oten, resolveu ficar na casa e esperar pelos bandidos que invadiam a seu amado povoado. Oten era um sujeito honrado que não se imaginaria fugindo da luta numa circunstância daquelas. Apesar do apelo de Aika ele resolveu ficar e proteger a integridade de seu lar.

Após alguns minutos de Aika escapar, dois homens fortes arrombavam sua porta. Eles tinham sangue espalhado por toda a roupa, inclusive na face, e pareciam de divertir com aquilo.

-- Bom, com esta casa já são 10. O ruim é que nessa tem apenas 1 pessoa, assim não nos divertimos muitos. - dizia um dos sujeitos, acompanhado por risadas pelo outro. -- Sim, sim. Mais é melhor assim, to começando a ficar cansado. Acabando o serviço rápido, mais rápido ganhamos nossas terras!!

Agora Oten entendia, eles estavam atrás das férteis terra de seu povoado. Oten, retirou da bainha sua espada e apontou para os dois. Eles vinham sem muito medo para cima de Oten. Porém, Oten era um dos melhores espadachins do povoado.

Depois de muita luta, Oten conseguiu derrotar os dois bandidos. Porém, terminara com um corte na perna que estava sangrando muito. Oten, resolveu sair pelos fundos, onde sua esposa e filhos tinham escapado. Caminhava com dificuldade e quando finalmente saiu da casa, se deparou com a cena macabra e deplorável à sua frente.

Sua esposa e seus filhos estavam mortos. Um colocado em cima do outro, como meros animais abatidos. Antes de qualquer reação, ele olhou para frente e um sujeito carregando uma espécie de revolver acabou por atirar contra Oten, acertando-o na cabeça e tirando a vida do nobre agricultor.

Oten acordou depois de um tempo. Estava ao lado de seu corpo morto e viu que era apenas um espírito. Olhou em volta e estava tudo calmo e sem nenhum barulho. Provavelmente, os bandidos resolveram voltar ao amanhecer para tomar conta das terras.

Oten levantou-se e olhou em direção aos corpos de sua família. Nesse momento, se deparou com uma espécie humanóide gigante sobre o corpo de seus entes queridos. A criatura olhou para ele e ela tinha uma temível mascara branca onde seria seu rosto.

-- Humm... eu comi muito hoje, mais acho que tem espaço para mais um... - falou a criatura num tom descontraído.

Oten apenas olhou a criatura e procurou pelos espíritos de seus familiares que não estavam ali, aliás, não existia espíritos por perto.

-- Aaaahhh.. acho que você não sabe que sou eu não é.. e nem o que eu faço. Bem, eu sou um hollow, e no momento, estou acompanhando o bando que acabou com sua vila. Eles matam os vivos e eu como os espíritos, serviço completo, hahahaahah - dizia o hollow em tom acadêmico, para depois soltar a risada maligna.

Oten se deu conta que ele acabara de ingerir os espíritos de sua família. Sua amada e doce Aika, seus ingênuos e carinhosos filhos Akane e Masaru. Não bastasse o horror que viveram ao serem mortos brutalmente, também seus espíritos não tiveram chance contra a criatura.

O campones partiu pra cima da criatura como se fosse um animal selvagem. Não tinha mais ânimo e talvez a morte fosse seu único refúgio. Ao se aproximar recebeu um direto golpe da criatura e desmaiou. Ao acordar, um humano vestido com kimono preto estava junto dele. Sem qualquer pergunta ele colocou o cabo de uma espada em sua testa e ele dormiu novamente.



Continua...
Voltar ao Topo Ir em baixo
Oten
Shinigami Sakura
Shinigami Sakura
avatar

Mensagens : 62
Data de inscrição : 03/02/2010

Sua Ficha de Personagem
Rank: D
Life Life:
150/150  (150/150)
Exp: Exp::
335/1000  (335/1000)

MensagemAssunto: Re: [Finalizado] Sobre bandidos e heróis...   Qui 27 Maio - 16:30

Capítulo IV - A escolha: Bandido ou Herói?


Oten acordava os poucos, as lembranças iam se esvaindo de sua mente. O seu corpo todo doía pelo golpe provocado pelo Hollow e pelo seu choque no muro. Aos poucos ele abriu os olhos, não sabia o que lhe aguardara ali. Porém, parecia não haver sinal de qualquer hollow, shinigami, ou qualquer tipo de luta. Tudo estava calmo e pacífico.

Ao tentar se levantar ele percebeu que existia uma espécie de bilhete ao seu lado, embaixo de um vidro com um líquido esverdeado. Sim, era o remédio de Yuimi. O shinigami tinha visto que o vidro que Oten teria furtado estava quebrado com o golpe do Hollow e então colocou um novo no lugar.

Ele mesmo ficou surpreso com tal ação. Shinigamis eram conhecidos em Rukongai como pessoas sem escrúpulos, que estavam ali para punir aqueles que se desviassem da lei, sem qualquer tipo de Misericórdia. Oten acreditava que, caso algum lhe encontrasse com o remédio roubado, provavelmente o exterminaria ali mesmo, sem qualquer tipo de clemência, por isso, a ação de colocar ali um novo remédio lhe deixou pasmo.

Pegou o bilhete em suas mãos e começou a ler.


Spoiler:
 

O bilhete não estava assinado, lógico, não seria de bom tom indicar um shinigami pobre de rukongai para a academia shinigami. Oten continuou a olhar aquele bilhete enquanto se levantava. Pegou o remédio e se dirigiu até sua casa.

Já amanhacera, toda sua família já estava acordada, menos lógico o senhor que se passava por "pai de família". Yuimi tinha piorado durante a noite, e quando Oten chegou com o remédio, a senhora que se passava por sua mãe lhe deu um forte abraço emocionado e lhe agradeceu, juntamente com seu irmão. Ao ministrar o remédio, dentro de pouco tempo depois, Yuimi já se parecia bem melhor, e estava se alimentando corretamente.

O conselho do shinigami ecoava por sua mente quando ele foi se deitar. Ele lembrou-se de como amava sua família antes de falecer, de como era honrado e tratava bem a todos, de como era feliz antigamente. Sua família em Rukongai, naquele amanhecer, tinha lhe mostrado como é importante a união entre as pessoas, e como é preciso que uns ajudem os outros para que tudo possa fluir normalmente. A partir daquele momento, aquela era sua família.

Ficou pensando até pegar no sono. Os shinigamis podiam ser insensíveis e brutos em alguns casos. Porém, alguns tinham bom senso e pensavam nos outros como aquele que lhe socorreu. Afinal, ele teria que escolher. Continuar na vida dos crimes, uma vida na qual ele estava acostumado e lhe trazia sempre bons dividendos; ou partir para uma nova jornada, em que teria que se adaptar a um novo mundo, teria que sofrer e treinar diariamente, e tudo isso, em busca de ajudar o próximo e honrar a si mesmo e sua falecida família?

Finalmente, o sono chegou...



continua...
Voltar ao Topo Ir em baixo
Oten
Shinigami Sakura
Shinigami Sakura
avatar

Mensagens : 62
Data de inscrição : 03/02/2010

Sua Ficha de Personagem
Rank: D
Life Life:
150/150  (150/150)
Exp: Exp::
335/1000  (335/1000)

MensagemAssunto: Re: [Finalizado] Sobre bandidos e heróis...   Qui 10 Jun - 16:53

Capítulo V - Eu escolho te salvar!


Oten não teve um sono muito tranquilo aquela noite. Sonhava muito com seus falecidos parentes mortos pelos ladrões e com o hollow que acabou por devorar seus espíritos. Acordou diversas vezes no meio da noite e, cada vez que isso acontecia, novamente lia a carta que o misterioso shinigami tinha deixado para ele.

Porém, depois de tanta dúvida durante a noite, ele acordou disposto a mudar sua vida. Logo que se pos de pé começou a arrumar uma pequena sacola com roupas suas. Assim que colocou um certo número que acreditava serem suficentes ele foi até a sala para dar a nóticia para sua familía ali.

Estavam todos na mesa para a refeição, ao anunciar que iria para a academia shinigami para se tornar um ceifeiro de almas, o velho Shinji colocou-se a gritar insultos para Oten, dizendo que sabia que ele iria abandoná-los logo e ainda mais se juntar com aqueles que traziam infelicidade para as pessoas de Rukongai. Oten não esperava nada de bom vindo do velho e foi um alívio quando ele saiu raivoso da casa.

Reiko e Yui vieram abraçar Oten, a mãe dizia estar feliz por ter Oten escolhido um caminho correto e parar de se arriscar nos roubos. Yui estava emocionada e agradeceu novamento por ter Oten trazido o remédio para ela. Oten ficou meio abalado de início porém, abraçou as duas, disse que ficaria de olho nas duas mesmo sendo shinigami e qualquer tipo de problema era para contacta-lo.

Toru ficou meio afastado, porém, quando Oten chegou perto ele o cumprimentou com um aperto de mão de um abraço. Oten disse para Toru que agora ele deixava a casa em sua responsabilidade e que, precisando de alguma coisa era só conversar com ele.

Ao sair de casa ainda se despediu ao ver todos na porta lhe acenando. Ele caminhou carregando a sacola de roupas nos ombros. O sol estava forte naquele dia, e o sol azul e límpido. Era um bom dia para tomar uma decisão como a que Oten acabara de tomar naquela hora.

A partir daquele momento, ele deixava de ser mais uma alma naquela imensidão de espíritos de rukongai e passava a seguir o árduo caminho de se tornar um shinigami. Não seria mais conhecido pelos furtos e não teria que se esconder das pessoas que queriam lhe capturar. A partir daquele momento, ele seria o responsável pela segurança e paz no lugar e devia isso a todos aqueles que um dia amou. Era sua dívida com eles, e ele iria cumprí-la.



Fim.
Voltar ao Topo Ir em baixo
June Tethys
Capitão Sakura
Capitão Sakura
avatar

Mensagens : 3114
Data de inscrição : 19/10/2010

Sua Ficha de Personagem
Rank: S
Life Life:
300/300  (300/300)
Exp: Exp::
1000/1000  (1000/1000)

MensagemAssunto: Re: [Finalizado] Sobre bandidos e heróis...   Qui 8 Set - 19:49

Capítulo 1 - 8 Pontos Rank

Capítulo 2 - 7 Pontos Rank

Capítulo 3 - 7 Pontos Rank

Capítulo 4 - 9 Pontos Rank

Capítulo 5 - 7 Pontos Rank

Total ------ 38 Pontos Rank



A história estava bem interessante! Sem dúvida triste, mas ninguém passa pela vida sem sofrer alguma vez! Haviam algumas coisas que podiam estar melhor, mesmo assim, fizes-te um bom trabalho!



Estado: Concluído

__________________________________________






"Mais uma vez, sou a mais velha... Mais uma vez, tenho crianças para proteger... Será... Será que o meu destino me deixará em paz desta vez?"


Voltar ao Topo Ir em baixo
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: [Finalizado] Sobre bandidos e heróis...   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 

[Finalizado] Sobre bandidos e heróis...

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 

 Tópicos similares

-
» minha historinha sobre percy jackson
» Novidades sobre o mortal Kombat 10
» Informações Sobre Sites! Como Obter?
» Lista de Heróis DC Selecionados
» Lista de Heróis Marvel Selecionados
Página 1 de 1

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Versão 3.0 - Time Break :: Arquivos de Aventuras-