Versão 3.0 - Time Break

Olhe na seção "Resumo de Tramas" para ficar por dentro de tudo o que acontece na Soul Society ou no Japão!
Corram Todos!




Versão 3.0 - Time Break


 
Portal BleachInícioCalendárioFAQBuscarRegistrar-seConectar-se

Compartilhe | 
 

 [FINALIZADO] Memórias Recentes

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
Kenshin
Vizard
Vizard
avatar

Mensagens : 23
Data de inscrição : 22/08/2010

Sua Ficha de Personagem
Rank: C
Life Life:
200/200  (200/200)
Exp: Exp::
595/1000  (595/1000)

MensagemAssunto: [FINALIZADO] Memórias Recentes   Seg 6 Set - 18:06

- Não é perigoso deixá-lo aqui? - pergunta Jinta - Ele estava com Aizen...

- Are.. Are... Não se preocupem. - responde Urahara - Ele perdeu a memória. O mais importante é que conseguios salvá-lo. Ninguém merece viver sob escravidão forçada para o mau.

Com cuidado, o anfitrião ajeita o jovem desacordado em um colchonete.[/color]

- Precisamos trabalhar com este garoto. Fazer com que ele recobre a memória ao longo do tempo.

- Mas ele não é da Soul Society? - pergunta Ururu.

- Era. Agora estará conosco. Tenho planos para ele. Espero não me desapontar.

- Hah! Duvido! Esse cara era um retardado. - implica Jinta.

- Às vezes depois dessa perda ele volte com a cabeça no lugar. - completa Ururu.

- É. Pior que antes é impossível...

- Deixem ele descansar, crianças.



MEMÓRIAS RECENTES
01 - KENSHIN


6 SEMANAS DEPOIS...

- É como se ele estivesse trancado dentro de si mesmo. Não foi uma simples lavagem cerebral. E o trauma de ter sido cobaia de Aizen agrava a situação. Ele precisará de mais tempo para redescobrir a si mesmo. Mas os avanços foram significativos. Ele já se lembrou que é um shinigami e está se reabilitando numa velocidade espantosa. Já consegue inclusive dominar a máscara. - diz Urahara.

- Como isso seria possível? Não deveríamos espiar de perto? - questiona Jinta - E se ele ficar louco? Denovo...

- Are, are... Não se preocupe. Descobri que Aizen experimentou um método diferente de criar vaizards. A facilidade que nosso garoto evoluiu só é possível porque o hollow já está unido e subjulgado à sua vontade.

- Mas como?

- Você deve perguntar a Aizen.

- Não, obrigado.

- Ele conseguiu fazer isso sem a perda de identidade. Sem chance de falha.

- O que isso significa?

- A perda de memória foi induzida. E Aizen poderia ter um exército de vaizards totalmente leal. Só já não o tem porque a vítima precisa resistir ao processo.

- Que processo?

- O pior que pode imaginar.

Urahara continua a varrer pela sua loja enquanto Jinta arruma os itens a serem comercializados. O dia era tranquilo. Ururu estava a fazer compras com Tessai. Porém o dia estava um pouco quente e ao longe uma figura aparece, seu andado demonstrava o problema com o calor. Roupas longas, mãos e pés enfaixados, máscara no rosto. Era Kenshin voltando de mais um treino no galpão.

- Nem sem memória ele deixa de ser patético. Olha lá. Parece que saiu de Resident Evil.

- Hahahahaha! Are... Are... Não seja maldoso, Jinta.

Logo o garoto se aproxima e adentra a loja.

- Algum problema, Kenshin-kun? - pergunta Urahara.

- Muito quente. Vi pessoas chorando hoje. Eu... Senti muito por elas... - sua voz é calma, mas contém traços de dúvidas e preocupação.

Kenshin adentra para os outros cômodos do recinto sem dizer mais nada, precisava tomar um banho para se refrescar. Há uma troca de olhar entre Jinta e Urahara que deixa um sorriso sair.[/size]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Kenshin
Vizard
Vizard
avatar

Mensagens : 23
Data de inscrição : 22/08/2010

Sua Ficha de Personagem
Rank: C
Life Life:
200/200  (200/200)
Exp: Exp::
595/1000  (595/1000)

MensagemAssunto: Re: [FINALIZADO] Memórias Recentes   Seg 6 Set - 21:52

Como de custume, Kenshin se enfaixara. Pés, pernas, braços e mãos. É poara o próprio bem, segundo Urahara, uma pessoa confiável e acolhedora para o garoto.

O olhar do garoto vai para o azulejo do banheiro. Não há espelho. Apenas a dúvida do o que se tornou seu rosto. Ou do que significa aquele rosto. Quem é Kenshin? Quem foi?

Um suspiro. Aceitando a realidade, ele coloca a máscara. Antes era constrangedor, agora não faz diferença e no futuro quem sabe não inspire respeito.

A porta do banheiro se abre e lentamente Kenshin sai, caminha pelo corredor até escutar uma porta ranger. Ele pára e observa. É o quarto de Urahara.

"Será que ele esqueceu a porta aberta?"

O garoto se aproxima para fechar a porta. Pelo pequeno feixe de luz que entra no quarto, ele nota uma foto em um porta retrato. Aquilo rouba toda sua atenção.



MEMÓRIAS RECENTES
02 - SAUDADES
<object width="128" height="77"><param name="movie" value="http://www.youtube.com/v/zAgSJ3Ka6aA?fs=1&hl=pt_BR"></param><param name="allowFullScreen" value="true"></param><param name="allowscriptaccess" value="always"></param><embed src="http://www.youtube.com/v/zAgSJ3Ka6aA?fs=1&hl=pt_BR" type="application/x-shockwave-flash" allowscriptaccess="always" allowfullscreen="true" width="128" height="77"></embed></object>

O retrato em suas mãos era diferente, trazia conforto, e uma estranha pontada no peito.

Urahara está na foto, com um uniforme diferente, sorrindo, se abraçando com outras pessoas de mesmo uniforme. Seu cabelo está diferente. Aliás, ele só está sem aquele chapéu.

- Gostou das novas faixas que lhe trouxe? Assim não vai mais passar calor. - diz Urahara que misteriosamente já estava do lado de Kenshin.

- É. Perdão. Eu não quis invadir seu quarto, apenas vi a porta aberta e...

- Are, are... Não precisa se explicar. - interrompe Urahara.

- São confortáveis também. As faixas.

- O que acha da foto?

Kenshin parece analisar a foto novamente, tentando definir o que estava sentindo.

- Você parece feliz. Com amigos ao ser redor. Este foi um dia importante, não? Um dia do qual não se esqueceria... - termina a frase em tom triste.

O garoto coloca o retrato novamente no lugar aonde encontrou.

- Você está certo, garoto. Mas este momeno pertence ao passado.

- Por que diz isso?

- Nos separamos há algum tempo. Estou longe de meus amigos. Não por obrigação, mas por decisão própria.

- Por que escolheu ficar longe de seus amigos?

- Não fiz essa escolha. Escolhi apenas fazer o certo.

- Não sente falta deles?

- Alguns sim. Mas os verdadeiros amigos a gente nunca perde.

Kenshin suspira. Sente um aperto no peito, mas não consegue dizer do que se trata.

- Os momentos passam, esses ficam no passado. Mas amigos de verdade ficam para sempre. Quando escolhe fazer algo certo, é uma escolha para sempre.

- Eu tenho tenho amigos?

- Nós só sentimos falta daquilo que temos.

Urahara sai de seu quarto. Kenshin esboça uma suave risada, tão dolorosa que se cala. Ele balança a cabeça. Está grato pela lição. Só queria poder se lembrar...
Voltar ao Topo Ir em baixo
Lyon
Vizard
Vizard


Mensagens : 109
Data de inscrição : 03/05/2010

Sua Ficha de Personagem
Rank: A
Life Life:
300/300  (300/300)
Exp: Exp::
820/1000  (820/1000)

MensagemAssunto: Re: [FINALIZADO] Memórias Recentes   Qui 9 Set - 19:47

Status: Continua...
Rewards: Memórias Recentes
Recompensa:
Kenshin 6 Pontos

Comentários:
Kenshin gostei muito da sua aventura achei interessante (até eu fiquei comovido xD)ficaria interessante se seu personagem lembraçe de algum fato do seu passado isso daria uma emoção a historia , ficarei no aguardo da 3 parte :]

Citação :
Pode continuar nesse mesmo topico e após de fazer os capitulos e acho que a esta tudo pronto e não quer continua ou quer finalizar esse volume e criar outro coloque no final do post " Fim . " fazendo isso estara dizendo que sua aventura acabou :] qualquer duvida pode me envia uma MP que estarei respondendo o mais rapido possivel :]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Kenshin
Vizard
Vizard
avatar

Mensagens : 23
Data de inscrição : 22/08/2010

Sua Ficha de Personagem
Rank: C
Life Life:
200/200  (200/200)
Exp: Exp::
595/1000  (595/1000)

MensagemAssunto: Re: [FINALIZADO] Memórias Recentes   Sex 29 Out - 21:24

<div style="font-family:arial; padding: 0 50px; text-align:justify;">Kenshin corre pelas ruas de Karakura. O treino havia acabado, mas ele acabara pegando no sono e havia perdido a hora ao tirar um descanso. Urahara podia estar esperando por sua ajuda ou ao menos preocupado pela ausência. O garoto também estava ansio para vê-lo, pois tinha um pedido a lhe fazer.

Na loja tudo está aparentemente bem. Urahara apenas abana seu leque enquanto Jinta terminava de organizar os objetos dentro da loja. Ururu estava a varrer a entrada e Tessai estava preparando a janta.

- Are.. Are... Dia quente hoje, não? - Urahara diz ainda se abanando.

- E está tarde, Kenshin ainda não chegou. - Jinta reclama.

- Jinta está com saudade de Kenshin?.

- O queeee? - os olhos do garoto se arregalam - Nunca! É que hoje é ele que vai lavar as louças. Pra isso que quero que ele chegue cedo.

- Entendo... - diz em tom debochado.

- Nunca sentirei falta daquele retardado! Mas reconheça que ele está mais útil do que antes.- pergunta Ururu.

- Aaatchim! - Kenshin espirra enquanto corre.

- Que maldade, Jinta. Você está com saudades dele mesmo. - comenta Ururu.

- Sua pirralha. O que acha que está falando? Eu vou te...

- Acalmem-se crianças, olhem quem está vindo. - sorri.

Ao longe Kenshin se aproxima correndo, certamkente apressado pela demora em ter voltado do treino, o que seria facilmente explicável, sem necessidade de ter vindo com tanta pressa. Logo o garoto chega, está um pouco bufante.

- Qual o problema, Kenshin?

- Preciso que me leve a um lugar. - o tom de voz parece animado.

- E que lugar seria esse, meu caro?

- Ru... Ruuu... É... Ru... Rukongai... </div>


MEMÓRIAS RECENTES
03 - FAMíLIA
<object width="128" height="77"><param name="movie" value="http://www.youtube.com/v/zAgSJ3Ka6aA?fs=1&hl=pt_BR"></param><param name="allowFullScreen" value="true"></param><param name="allowscriptaccess" value="always"></param><embed src="http://www.youtube.com/v/zAgSJ3Ka6aA?fs=1&hl=pt_BR" type="application/x-shockwave-flash" allowscriptaccess="always" allowfullscreen="true" width="128" height="77"></embed></object>


<div style="font-family:arial; padding: 0 50px; text-align:justify;">É dia, está fresco, agradável como em qualquer sonho. A grama é verde e linda, o riacho mais à frente, as belas e grandes árvores que ao seu redor. No riacho um homem sentado pesca tranquilamente. Para trás, uma bela e linda casa, mesmo que simples. Na varanda, uma bela mulher a varre. A figura feminina lhe traz uma sensação tão reconfortante que Kenshin se aproxima. A mulher ao ver o vaizard se aproximar abre um largo sorriso.

- Filho, não faça isso. Não deixe seu pai pescando sozinho. Aliás, por falar em pescar, já está quase na hora do almoço. Desça e peça para seu pai trazer os peixes para que eu possa prepará-los, ok?

Sem nem esperar, Kenshin desce até o riacho aonde seu pai pescara. Kenshin na verdade não consegue controlar bem suas pernas, corria lentamente mas queria chegar rápido. Estava emocionado em saber quem é sua mãe mas triste por não ter muita opção a não ser seguir o curso desta história. Ao mesmo tempo que quer chorar e abraçar seus familiares, ele quer apenas cumprir com o pedido da sua mãe. Ao se aproximar de seu pai, uma surpresa lhe parte o coração.

- Filho, ajude seu pai aqui, já consegui uma boa pesca, olha esse peixão aqui, hahaha! - mostra um belo e grande peixe para Kenshin - Sua mãe vai ficar bem feliz. - diz com um sorriso largo no rosto - Cuidado para não deixar nada cair.

Com a força dos braços, o pai de Kenshin se locomove, isso porque ele não possui pernas.

Sem dificuldades, Kenshin pega a bacia com peixes, a vara e a caixinhas com as ferramentas para pesca. Sem ultrapassar seu pai ele leva tudo para casa aonde são recebidos com muito carinho pela mãe de Kenshin.

- Filho coloque os peixes na pia e guarde as ferramentas de pesca no quartinho.

Com cuidado, Kenshin obedece colocando os peixes na mesa, ao se virar para ir para o quartinho, nota aquela sempre enorme e bela espada.

- Um dia filho, você portará esta espada. - o pai de Kenshin sorri.

Aquilo enche o peito do garoto de esperança ao mesmo tempo que também traz muito significado para Kenshin.

- Não diga asneiras!

- Que asneiras?

- Não quero que nosso filho se machuque ou... Coisa pior... Seremos felizes e honrados se ficarmos apenas aqui em Rukongai...

- Amor...

A discussão se torna distante aos poucos, aquilo traz uma sensação pequena de vazio. Por não querer olhar seus pais brigarem, Kenshin se vira para a porta. Na varanda, uma silhueta de uma bela garota se faz. Ela traja roupas belas e leves. Seu sorriso é lindo e seus cabelos balançam como as ondas do mar. Ele se sente atraído e então vai em direção a ela.

Tudo se torna branco. Kenshin acorda. Ainda é de madrugada. Ele se vira e se encolhe na cama enquanto uma pequena lágrima escorre de seus olhos.</div>
Voltar ao Topo Ir em baixo
Lyon
Vizard
Vizard


Mensagens : 109
Data de inscrição : 03/05/2010

Sua Ficha de Personagem
Rank: A
Life Life:
300/300  (300/300)
Exp: Exp::
820/1000  (820/1000)

MensagemAssunto: Re: [FINALIZADO] Memórias Recentes   Sab 30 Out - 2:32

Status: Continua...
Rewards: Memórias Recentes
Recompensa:
Kenshin 8 Pontos

Comentários:
Kenshin muito boa a sua historia fiquei muito interessado XD , não só o conteudo , mas a qualidade do post está muito boa merecedor de uma nota maxima , parabéns xD

Citação :
Off: Como lhe disse muito boa a sua aventura a parte do sonho ficou muito boa XD Continue assim ! Aguardo anciosamente o 4º Capitulo
Voltar ao Topo Ir em baixo
Kenshin
Vizard
Vizard
avatar

Mensagens : 23
Data de inscrição : 22/08/2010

Sua Ficha de Personagem
Rank: C
Life Life:
200/200  (200/200)
Exp: Exp::
595/1000  (595/1000)

MensagemAssunto: Re: [FINALIZADO] Memórias Recentes   Dom 31 Out - 21:19

<div style="font-family:arial; padding: 20px 50px; text-align:justify;">Kenshin olha pela varanda e lá está ela, linda como sempre. O sorriso dela é mais do que o suficiente para convidá-lo, Ele vai até ela e a cada passo sente seu coração se preencher com felicidade. Um súbito impulso vai de seu peito até seus lábios.

- Hyuuuumi!

A garota em resposta alarga o sorriso. Ao se aproximar, Kenshin lhe oferece a mão e ela a segura.

- Vamos para o lago? - ela convida.

O lago sempre era chato. Pescar, limpar, ajudar seu pai. Dificilmente ia lá para se banhar porque a água é fria. Porém ir lá com Hyumi é diferente, ela conseguiu achar tanta beleza naquele lugar que Kenshin pareceu cego. E quando ele abriu seus olhos, passou até a acompanhar mais seu pai nas idas ao lago.

- Claro! - responde animado.

Kenshin pisca seus olhos e então está lá sentado na pequena ponte que seu pai construíra, brincando com os pés na água, igual a a Hyumi. Ela sempre gostou de brincar lá. Eles riam e se divertiam. Aquela sensação é tão nova e vívida para Kenshin. E quando ele se apercebe, está deitado na mesma ponte, olhando para o céu que aparece por entre as folhas das enormes árvores. Como aquilo é lindo e apaziguador.

- O que pretende ser quando crescer? -

- Shinigami! - essa resposta Kenshin tinha na ponta da língua - Serei o maior herói de Rukongai!

Fez-se um breve silêncio. Kenshin virou sua cabeça, procurando Hyumi. Ela então faz o mesmo e os olhares se cruzam.

- E você me protegeria quando eu precisasse?

- Sempre!

- Promete? - mostra o dedo mindinho da mão para selarem a promessa.

- Prometo. - confiante, ele cruza seu dedinho ao dela.

Eles balançam a mão e riem. O olhar de Kenshin volta ao lindo céu. Aquele momento é muito bom para ter se perdido. E o céu então começa a se desfocar cada vez mais. Kenshin tenta limpar os olhos mas de nada adianta. Um sentimento de preocupação começa a crescer. A visão vai escurecendo. O desespero aparece. Ele quer vê-la, quer ver mais de sua terra. Não quer mais acordar.

- Por favor! - suplica.

Sua visão começa a clarear. A respiração está mais calma, mas o susto deixa uma pontada de tristeza. Pontada que continua pois eles estão na porteira da chácara e ela está indo embora.

- Me desculpe. Não posso ficar mais. Meu pai não deixa. - a garota se aproxima de Kenshin, lhe dá um beijo na face e então se afasta - Mas posso voltar amanhã. - sorri docemente.

- Então... Até amanhã...

Kenshin não sabe direito se fica feliz de poder vê-la novamente ou se fica triste porque pode simplesmente não vê-la mais. Ela vai se afastando, caminhando lentamente para sua casa. E é tão estranho ficar observando apenas aquilo. Parecia errado...

- Hyumi... Estou com medo...

Ela parece não escutar. Kenshin então decide correr atrás dela, porém quanto mais corre mais sua visão vai escurecendo. Ele estende a mão para tentar alcançá-la antes que tudo se apagasse e quando está prestes a segurá-la no ombro, ele cai, afunda infinitamente em um buraco negro.

Kenshin acorda batendo a cabeça no livro que estava lendo sentado na cama.


MEMÓRIAS RECENTES
04 - AMOR
<object width="128" height="77"><param name="movie" value="http://www.youtube.com/v/zAgSJ3Ka6aA?fs=1&hl=pt_BR"></param><param name="allowFullScreen" value="true"></param><param name="allowscriptaccess" value="always"></param><embed src="http://www.youtube.com/v/zAgSJ3Ka6aA?fs=1&hl=pt_BR" type="application/x-shockwave-flash" allowscriptaccess="always" allowfullscreen="true" width="128" height="77"></embed></object>


Está chovendo muito. Não haverá treino. A loja certamente está fechada. Ao levantar a cabeça, Kenshin se lembra que tinha alguns livros de literatura japonesa consigo, ele os observa em suas mãos, mas sem vontade nenhuma de ler. Textos sobre esperança e amor são tão comuns nestes livros, mas não para Kenshin. Aquilo tudo estava começando a chateá-lo, sequer tinha saído da cama ainda, seus pensamentos estão muito confusos e a tendência parece que é piorar a cada dia.

O vaizard escuta a porta abrir e Urahara logo adentra o recinto encontrando Kenshin cabisbaixo. O sorriso do anfitrião quase se desfaz ao presumir do que se tratava.

- Are.. Are... Não está com fome, Kenshin?

- Não sinto nada... - a voz do vaizard sai fraca e sem emoção.

- Sinto muito, Kenshin, não posso levá-lo à Rukongai. Ninguém pode...

- Não é isso...

- Hmmm... Então...

- Urahara...

Urahara fica em silêncio apenas esperando Kenshin continuar.

- Você conhece alguma Hyumi?

Urahara demora um pouco pra responder.

- Eu nunca a vi. Se você perder muio tempo aí também irá sentir falta dos pãezinhos. Jinta está comendo os seus. - brinca.

- Tudo bem. Apenas me deixe só...

Alguns segundos depois Kenshin pôde escutar o barulho da porta se fechando. Entre os livros, ele estava lendo um que tem um belo casal na capa. Nenhum deles usa máscara e o olhar entre eles é diferente. Ele fica olhando para o livro e a imagem da capa traz uma sensação de vazio e saudades. Ele precisa encontrar Hyumi.</div>
Voltar ao Topo Ir em baixo
Hyumi
Lendários
Lendários
avatar

Mensagens : 462
Data de inscrição : 31/07/2010

Sua Ficha de Personagem
Rank: S
Life Life:
300/300  (300/300)
Exp: Exp::
1000/1000  (1000/1000)

MensagemAssunto: Re: [FINALIZADO] Memórias Recentes   Sex 18 Fev - 23:15

Status: Continua...
Rewards: Memórias Recentes
Recompensa: Kenshin 8 Pontos

Comentários: Opa continue que eu quero saber de tudo rsrs, está bem legal, interessante, continue assim.

__________________________________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: [FINALIZADO] Memórias Recentes   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 

[FINALIZADO] Memórias Recentes

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 

 Tópicos similares

-
» Os Nove Antigos – Memórias Renascidas do Caos. (Crônica I - Nailah).
» Acesso invalido ao local de memória .
» Contos Cantados e Histórias Narradas
» Robert Tales e a Magia Grega Livro 1: A Espada do Olimpo
» Aquecedor Elétrico, Aparador de Barba ou Memória SD 8GB
Página 1 de 1

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Versão 3.0 - Time Break :: Arquivos de Aventuras-